Quais as fronteiras entre realidade e ficção?⁉️

 

 

Com humor-acido, DEUS É UM DJ conta a história de um casal em um novo projeto artístico. Ela e Ele, foram contratados para filmarem seu cotidiano. Os melhores fatos são transmitidos ao vivo, o que faz com que suas próprias vidas se misturem aos eventos que produzem. A peça reflete sobre a espetacularização da vida.

 

 

 

Autor: Falk Richter Direção: Alexandre Dill Elenco: Gustavo Susin e Louise Pierosan Desenho de luz: Lucca Simas Assistente de Direção Guilherme Conrad Cenário: Reynaldo Neto Cenotécnico: Henrique Strieder